ACIAI

 

 

A trajetória da Associação Comercial e Empresarial de Irati (Aciai) teve início em 1935 através da Sociedade Agrícola e Rural de Irati, porém, ela somente foi oficializada no ano de 1936.

O propósito inicial era a defesa dos interesses dos agricultores e industriais, a informação de dados estatísticos sobre a produção e exportação do município, e oferecer serviços que ajudassem em suas atividades.

Em 1946, a necessidade de um órgão de representação e de caráter associativista fez com que empresários fundassem a Associação Comercial Industrial e Agrícola de Irati. Foi neste ano também, que houve a formação da primeira gestão presidida pelo empresário Virgílio Moreira (1946-1948).

A partir de então, a Aciai teve sucessivas gestões, até que no ano de 1970 a associação teve suas atividades paralisadas, não havendo relatos ou documentos desse período.

Em 1982, a necessidade da união empresarial fez com que 20 empresários se reunissem e formulassem a retomada das atividades da Aciai. O primeiro presidente oficial neste recomeço foi o empresário Enezito Ruppel (1982-1984).

Nesta ocasião, foi implantado o Serviço de Proteção ao Crédito (SCPC)  em Irati, que até hoje é uma das mais importantes ferramentas do empresariado. O serviço de fotocópias também foi instalado nesta gestão.

Na gestão 1986-1988, presidida pelo empresário Rodrigo Hilgemberg foi realizado o convênio com a Junta Comercial do Paraná, trazendo para Irati o posto de atendimento na Aciai.

Durante a gestão do empresário Elias Sidnei Mansur que ficou quatro gestões a frente da Aciai, dos anos de 1988 a 1996, houve significativos avanços, como: a mudança da sede para o Clube do Comércio, a criação em 1990 do Conselho da Mulher Empresária e Executiva, e uma das principais ações, que foi a informatização total do Serviço de Proteção ao crédito (SCPC).

O empresário Tadeu Jenczmionki esteve duas gestões a frente da Aciai, entre 1996 a 2000. Nesse período, foi realizada parceria com o BRDE, que disponibiliza linhas de crédito para os empresários, e a integração com outras associações comerciais do Brasil, do Serviço Central de Proteção ao Crédito

Na gestão do empresário Rogério Kuhn, de 2000-2004, através da consultoria do Sebrae iniciou o processo de elaboração do seu planejamento estratégico. Também nesta gestão, em parceria com o Sebrae foi implantado o Programa Empreender, com foco na organização de núcleos setoriais e valorização do aspecto associativo.

A construção da sede própria da Aciai teve início na gestão do empresário Airton Trento entre os anos de 2002 e 2006. O prefeito da época, Antonio Toti Colaço Vaz, foi quem fez a doação do terreno para a construção da entidade.

Na gestão da Maria Fátima Jenczmionki, entre 2009 a 2012, foram realizadas diversas ações de expansão da entidade, como: implantação de serviços de certificação digital e emissão de nota fiscal eletrônica. Foi ainda durante a sua gestão que foi finalizada a obra da sede da Aciai.

Entre 2012 e 20014, com o empresário Rogério Kuhn, os projetos de fortalecimento associativista continuaram. Entre as diversas ações, constam:  implantação do Observatório Social, em parceria com o Rotary Club, participação na elaboração do Progride, lançamento do Movimento Vote Próximo, implantação de novos convênios, entre outros.

Na gestão 2014 a 2016, presidida pelo empresário Marcielo Mazzochin, as ações de fortalecimento da entidade e ampliação nos serviços prestados manteve a expansão. Foram diversas conquistas, como: inauguração do ponto de atendimento na Aciai do Sebrae, bem como a realização de diversas iniciativas e cursos voltados ao desenvolvimento empresarial, implantação do Graer em Guarapuava para atendimento a toda a região, entre outras ações.

A gestão 2016 a 2018  foi presidida pelo empresário Oscar Muchau. A gestão inovou em diversos conceitos e trabalhou a expansão e fortalecimento da Aciai. Entre as conquistas esteve a implantação de novos convênios e a parceria com a Fomento Paraná que permite a Aciai ofertar duas linhas de crédito aos empresários, de até R$ 20 mil e de R$ 20 mil a R$ 1,5 milhão.

A gestão 2019 a 2020 foi conduzida pelo empresário Elias Sidnei Mansur, durante a qual houve uma série de ações, que podemos citar: reabertura da Rua da Cidadania Frei Jaime, reativação do Núcleo Jovem da Aciai (Conjove) e o Núcleo das Mulheres Empreendedoras da Aciai, ampliação da sede da Aciai, desenvolvimento de núcleos setoriais dos associados, entre outros.

A gestão 2021 a 2022, prossegue sendo presidida por Elias Sidnei Mansur, que mantém em seu planejamento a expansão e fortalecimento dos empresários associados, bem como, promover o desenvolvimento econômico de uma forma ampla frente aos desafios impostos pelo Coronavírus.  

ACIAI HOJE

Atualmente, a Aciai contabiliza mais de 520 empresas associados, que juntas, contabilizam 6.800 colaboradores. Das 299 associações comerciais existentes no estado, a Aciai é a sexta associação comercial mais antiga do estado do Paraná.

Hoje, a Aciai atende uma grande diversidade de áreas, como: o comércio varejista – confecções, material de construção, supermercados; serviços – construção civil, clínicas médicas e odontológicas; profissionais liberais – dentistas, engenharia e advogados; industriais – artefatos de cimento e confecções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *