Reunião na Aciai vai orientar empresários sobre logística reversa

Nesta sexta-feira, dia 17, às 9h acontece na Aciai uma reunião para tratar sobre a logística reversa, que é a coleta e destinação correta de materiais que possam causar dano ao meio ambiente. Na ocasião, a Secretaria Municipal de Ecologia e Meio Ambiente estará prestando esclarecimentos para que os empresários se adaptem ao que determina a lei 12.305/2010, que trata sobre a logística reversa.

O presidente da Aciai, Oscar Muchau, fala sobre a importância dos empresários participarem da reunião. “Será a oportunidade para que todos juntos busquem um encaminhamento viável para o que determina a lei. Visto que é necessário criar um planejamento pelos empresários já pensando no pós consumo desses produtos”, afirma Muchau.

“Procuramos a Aciai para que conseguíssemos estabelecer esse diálogo com o comércio sobre a necessidade das empresas se adequarem ao que orienta a lei, principalmente com relação a coleta e destinação de pilhas, baterias, lâmpadas e eletrônicos”, explica a secretária de Ecologia e Meio Ambiente, Magda Lozinski.

Ela cita que é de responsabilidade do consumidor devolver os produtos no local específico. Aos comerciantes, instalar locais específicos para a coleta (devolução) dos itens. E às indústrias, a incumbência de retirar estes produtos, através de um sistema de logística, recicla-los ou reutilizá-los.

“Nosso objetivo é buscar através do diálogo e da troca de ideias a regularização e cumprimento da lei. Nossa intenção é que o comércio desenvolva suas atividades de forma sustentável e consciente da preservação do meio ambiente”, destaca Magda.

COLETA SUSTENTÁVEL

Comerciantes, fabricantes, importadores, e distribuidores deverão manter uma estrutura para coletar embalagens e produtos após o uso, dando-lhes destinação ambientalmente correta. É o princípio da logística reversa, que será adotado para produtos que ameaçam saúde ou meio ambiente, o que já ocorre com descarte do lixo hospitalar e farmacêutico

PRODUTOS DA LOGÍSTICA REVERSA

– Pilhas e baterias

– Lâmpadas fluorescentes, de mercúrio e vapor de sódio

– Peças e equipamentos eletrônicos e de informática

– Eletrodomésticos (geladeiras, fogões, micro-ondas, freezers, etc.)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *